TecnologiaCiência

NASA revela detalhes da estação espacial que orbitará a Lua

NASA apresenta visualização 3D da estação espacial lunar Gateway, uma colaboração internacional que apoiará missões lunares

Em alguns anos, um novo habitat espacial será realidade para os astronautas. A NASA apresentou recentemente uma visualização deslumbrante do Gateway, a estação espacial que orbitará a Lua até o final da década. Diferente da Estação Espacial Internacional (ISS) ou da Tiangong, que orbitam a Terra, a Gateway será o primeiro posto avançado da humanidade no espaço profundo.

O Gateway é um projeto internacional colaborativo que envolve a NASA, a Agência Espacial Europeia (ESA), a Agência de Exploração Aeroespacial do Japão (JAXA), a Agência Espacial Canadense (CSA) e o Centro Espacial Mohammed Bin Rashid dos Emirados (MBRSC). A construção da estação deve iniciar no próximo ano, com o lançamento do Posto Avançado de Habitação e Logística (HALO) e do Elemento de Energia e Propulsão (PPE).

A NASA divulga visualização 3D da estação Gateway, que orbitará a Lua
A NASA divulga visualização 3D da estação Gateway, que orbitará a Lua (Imagem: NASA)

A propulsão avançada do Gateway

A propulsão do Gateway será a mais poderosa nave espacial solar elétrica já construída. A energia será fundamental para manter a estação na órbita de halo quase retilínea (NRHO), aproximadamente perpendicular ao plano orbital da Lua. Essa órbita permitirá à estação seguir um caminho alongado de sete dias ao redor da Lua, chegando a 3.000 quilômetros do Polo Sul Lunar e a 70.000 quilômetros do Polo Norte Lunar. Esta configuração garantirá contato contínuo com a Terra, eliminando a necessidade de “desaparecer” ao redor da Lua.

Outra vantagem da NRHO é o baixo consumo de energia necessário tanto para alcançar a estação a partir da Terra quanto para descer à superfície lunar. Esta economia de energia será crucial para as operações e missões lunares.

Componentes e módulos do Gateway

A visualização 3D fornecida pela NASA destaca vários componentes e módulos que farão parte da Gateway:

  • Elemento de Potência e Propulsão (PPE): Este módulo usará energia solar para alimentar os subsistemas da estação e ionizar gás xenônio para propulsão.
  • HALO (Habitation and Logistics Outpost): Servirá como o centro de comando da Gateway, proporcionando comunicações entre a Terra e a superfície lunar. Também abrigará sistemas de suporte de vida e equipamentos de exercício.
  • Lunar I-Hab: Fornecido pela ESA com contribuições da JAXA, este módulo incluirá sistemas de controle ambiental, alojamentos e uma cozinha.
  • Lunar View: Também da ESA, oferecerá recursos de reabastecimento, armazenamento de carga e grandes janelas para observação.
  • Câmara de Descompressão para Tripulação e Ciência: Fornecida pelo MBRSC, permitirá a transferência de tripulação e hardware entre a estação e o espaço.
  • Canadarm3: Um sistema robótico avançado fornecido pela CSA, essencial para a manipulação de cargas e manutenção.

Missões Artemis e construção do Gateway

A missão Artemis IV, programada para 2028, levará o Lunar I-Hab ao Gateway. Esta será seguida por outros módulos em missões subsequentes, com a conclusão da primeira fase de construção prevista para 2031. A NASA planeja que o Gateway sirva como base para missões à superfície lunar e para a condução de experimentos científicos em um ambiente distante da Terra.

Apesar dos avanços, a missão Artemis III, que marcará o primeiro pouso tripulado na Lua em décadas, enfrenta possíveis atrasos devido a testes da Starship, da SpaceX. Inicialmente prevista para setembro de 2026, a missão pode ser adiada até 2028. Esses atrasos podem afetar os marcos de construção da Gateway, mas a NASA e seus parceiros continuam trabalhando para mitigar esses desafios.

O Gateway permitirá à humanidade explorar os mistérios científicos do espaço profundo. A estação não será permanentemente habitada como a ISS, mas servirá como base para astronautas enquanto planejam e executam missões à Lua e conduzem experimentos científicos.


Descubra mais sobre N10 Notícias

Subscribe to get the latest posts sent to your email.

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo