Mundo Pet
Tendência

Cuidados com pets no inverno: Veterinário dá dicas para proteger cães e gatos

Os pets podem sofrer com o frio e a baixa umidade do ar. Especialista ensina como proteger os animais nesta temporada.

Com a chegada do inverno, é essencial redobrar os cuidados para proteger os cães e gatos durante a temporada mais fria. Além da gripe, das doenças respiratórias e articulares, o tempo seco pode causar alergias e problemas dermatológicos nos animais.

O professor de Medicina Veterinária do Centro Universitário de Brasília (CEUB), Bruno Alvarenga, em entrevista ao N10 Notícias, traz dicas valiosas para garantir o bem-estar dos pets nesse período.

Contrariando um mito comum, o especialista esclarece que os cães não contraem gripes com mais frequência no inverno. As traqueobronquites, semelhantes às gripes, podem ser contraídas em qualquer época do ano e não estão necessariamente relacionadas ao clima frio.

No entanto, é essencial proteger os cães de doenças respiratórias, especialmente se expostos ao frio e se não tiverem o costume de enfrentar baixas temperaturas. Nesses casos, o banho deve ser evitado em dias de maior friagem ou no final do dia“, recomenda Alvarenga.

Assim como os seres humanos, os pets podem sofrer com doenças articulares que causam desconforto e dor, principalmente em dias mais frios. O professor do CEUB explica que, pela manhã, os animais tendem a se movimentar mais para aliviar o desconforto nas articulações, e à medida que a temperatura aumenta, a circulação sanguínea melhora. Para cuidar da saúde articular nos dias frios e reduzir o desconforto, o veterinário indica o uso de suplementos e vitaminas, como o colágeno tipo II para cães e gatos com desordens osteoarticulares.

De acordo com o veterinário, o uso de ômega 3 também pode ajudar a prevenir esse tipo de desconforto: “O ômega 3 ainda é benéfico para a saúde da pele dos animais, que pode ficar ressecada devido à baixa umidade no frio. A oferta de uma ração de boa qualidade também é fundamental“. Outro aspecto destacado pelo professor do CEUB é a necessidade de manter as vacinas em dia para evitar diversas doenças.

Higiene pet no frio

Durante a temporada seca, Alvarenga destaca a importância de reduzir a frequência de banhos nos cães e gatos, aumentar a ingestão de água e utilizar umidificadores pela casa para garantir a umidade adequada do ambiente. O veterinário considera essencial manter a casa limpa e evitar a exposição à poeira proveniente de reformas, que pode causar alergias e problemas dermatológicos nos animais. “Manter as janelas e portas fechadas em momentos de maior concentração de partículas no ar é uma medida importante para proteger seu animal de estimação“, afirma.

Essas orientações são fundamentais para garantir a saúde e o bem-estar dos pets durante o inverno, prevenindo doenças e desconfortos comuns na estação.


Descubra mais sobre N10 Notícias

Subscribe to get the latest posts sent to your email.

Rafael Nicácio

Estudante de Jornalismo, conta com a experiência de ter atuado nas assessorias de comunicação do Governo do Estado do Rio Grande do Norte e da Universidade Federal (UFRN). Trabalha com administração e redação em sites desde 2013 e, atualmente, administra o Portal N10 e a página Dinastia Nerd. E-mail para contato: rafael@oportaln10.com.br

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo