Política

Moraes abre inquérito contra o deputado potiguar General Girão

Em um importante desenvolvimento jurídico-político, o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes, tomou a decisão de abrir um inquérito para investigar o deputado federal General Girão (PL do Rio Grande do Norte). A iniciativa foi tomada na sequência de alegações de que o deputado teria incitado aos atos golpistas de 8 de janeiro.

O pedido de abertura do inquérito partiu da Procuradoria-Geral da República (PGR) e da Polícia Federal (PF), que agora se preparam para uma investigação aprofundada.

Os Crimes Alegados

O inquérito está destinado a explorar a possível participação do General Girão em vários crimes. Entre eles estão a associação criminosa, incitação ao crime e a abolição violenta do Estado Democrático de Direito. Estas são acusações sérias que, se provadas, podem resultar em penalidades significativas.

O ministro Moraes estabeleceu um conjunto de primeiras medidas, que incluem o depoimento do deputado à Polícia Federal e a preservação de suas publicações sobre os supostos atos golpistas. Estes últimos serão enviados à PF para uma análise mais profunda e, posteriormente, serão estudadas as possíveis medidas cautelares a serem aplicadas.

Contexto do Inquérito

A PGR e a PF baseiam-se em apurações do Ministério Público Federal do Rio Grande do Norte que identificam as publicações de Girão, onde ele supostamente incitou a animosidade das Forças Armadas contra os Poderes Constituídos. Essas alegadas ações ocorreram entre novembro de 2022 e janeiro de 2023.

Em uma dessas publicações, o deputado teria declarado: “Casa do Povo pertence ao povo. O Brasil pertence aos brasileiros. A justiça pertence a Deus. #Vamos Vencer“. A Polícia Federal considera que a frase “#Vamos Vencer” é uma incitação golpista.

O Futuro da Investigação

O desfecho deste inquérito contra General Girão tem o potencial de influenciar o equilíbrio político, tanto no nível do estado do Rio Grande do Norte quanto no plano federal. A decisão do ministro Alexandre de Moraes e os futuros desenvolvimentos neste caso, sem dúvida, serão acompanhados de perto.

O julgamento final poderia, potencialmente, ter implicações significativas para a carreira política do General Girão, bem como para a percepção pública do STF e seu papel na salvaguarda do Estado Democrático de Direito no Brasil.

Eliéser Girão Monteiro é general da reserva do Exército e filiado ao Partido Liberal (PL). Atualmente, é deputado federal pelo estado potiguar.


Descubra mais sobre N10 Notícias

Assine para receber os posts mais recentes por e-mail.

Romário Nicácio

Administrador de redes, estudante de Ciências e Tecnologia (C&T) e Jornalismo, que também atua como redator de sites desde 2009. Co-fundador do Portal N10 e do N10 Entretenimento, com um amplo conhecimento em diversas áreas. Com uma vasta experiência em redação, já contribuí para diversos sites de temas variados, incluindo o Notícias da TV Brasileira (NTB) e o Blog Psafe. Sua paixão por tecnologia, ciência e jornalismo o levou a buscar conhecimentos nas áreas, com o objetivo de se tornar um profissional cada vez mais completo. Como co-fundador do Portal N10 e do N10 Entretenimento, tenho a oportunidade de explorar ainda mais minhas habilidades e se destacar no mercado, como um profissional dedicado e comprometido com a entrega de conteúdo de qualidade aos seus leitores. Para entrar em contato comigo, envie um e-mail para romario@oportaln10.com.br.

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo