Economia
Tendência

Bandidos simulam leilões da Receita Federal para aplicar golpes

As vítimas, atraídas pela promessa de boas oportunidades de compra, acabam pagando por produtos que nunca irão receber.

A Receita Federal emitiu um alerta importante sobre um novo esquema de fraude que está lesando diversas pessoas no Brasil. Criminosos estão utilizando transmissões ao vivo fraudulentas para simular leilões de mercadorias apreendidas pela Receita Federal, aproveitando-se da proximidade com as datas de leilões oficiais para confundir as vítimas.

Esses leilões falsos, que parecem legítimos, são organizados um ou dois dias antes das sessões públicas da Receita Federal, usando indevidamente o nome da instituição em lives.

Nos leilões falsos, os bandidos anunciam lotes de mercadorias inexistentes. As vítimas, atraídas pela promessa de boas oportunidades de compra, acabam pagando por produtos que nunca irão receber. Somente quando tentam entrar em contato com a Receita Federal para saber como retirar os itens, descobrem que foram enganadas.

Para evitar ser vítima desses golpes, a Receita Federal ressalta algumas orientações essenciais:

  1. Participação em Leilões Oficiais: A participação nos leilões eletrônicos da Receita Federal é feita exclusivamente por meio do Sistema de Leilão Eletrônico, acessível através do Centro Virtual de Atendimento ao Contribuinte (e-CAC). É necessário ter uma conta Gov.br com nível de confiabilidade prata ou ouro para acessar o sistema.
  2. Plataformas Autorizadas: Os leilões falsos geralmente acontecem em plataformas de compartilhamento de vídeos na internet. A Receita Federal não realiza leilões por meio dessas plataformas. Qualquer leilão que não esteja no Sistema de Leilão Eletrônico é falso.
  3. Forma de Pagamento: O pagamento das mercadorias arrematadas em leilões oficiais da Receita Federal deve ser feito exclusivamente por meio do Documento de Arrecadação de Receitas Federais (Darf). Nunca se deve realizar depósitos ou transferências para contas de terceiros. Se solicitarem um método de pagamento diferente, é golpe.
  4. Verificação de Autenticidade: Sempre verifique a autenticidade das informações no site oficial da Receita Federal. Acesse a página oficial sobre leilões no endereço Receita Federal Leilões. Páginas que não estejam no domínio oficial do governo são suspeitas e devem ser evitadas.

A Receita Federal reforça que quaisquer outras páginas na internet que utilizem suas marcas e tratem de leilões são falsas e podem causar prejuízos financeiros significativos. Portanto, é crucial que os interessados em participar de leilões da Receita sigam rigorosamente as instruções fornecidas pelo órgão.

Para obter mais informações ou esclarecer dúvidas sobre os leilões, acesse o site oficial da Receita Federal ou entre em contato diretamente pelo Centro Virtual de Atendimento ao Contribuinte (e-CAC).


Descubra mais sobre N10 Notícias

Subscribe to get the latest posts sent to your email.

Rafael Nicácio

Estudante de Jornalismo, conta com a experiência de ter atuado nas assessorias de comunicação do Governo do Estado do Rio Grande do Norte e da Universidade Federal (UFRN). Trabalha com administração e redação em sites desde 2013 e, atualmente, administra o Portal N10 e a página Dinastia Nerd. E-mail para contato: rafael@oportaln10.com.br

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo